30 de outubro de 2011

Final de semana - O que teve II





Isso aqui está ficando uma loucura. A senha funcionou! Estou tão feliz em poder usar meu login!
Minhas leitoras queridas! Me sinto em casa!
Ps: Desculpem se eu escrever demais! Preciso desabafar!

Teve nota explicativa da duração do final de semana:

Deixa que eu as contextualizo: bem-me-quer veio para a terra natal encontrar com o seu "eu quero a sorte de um amor tranquilo, com sabor de fruta mordiiiiida", para o casamento de um casal de amigos nossos e para visitarmos os Buffet's faltantes e, eventualmente já fecharmos os contratos mais importantes de um casal de advogados. E o final de semana, então, começou na quinta-feira com a chegada do bem-me-quer das terras geladas de Curitiba.

A agenda:
Quinta-feira pela manhã: Buffet 1.
Quinta-feira a noita: Reunião com o grupo de DJ's (são 4).
Sexta-feira pela manhã: Buffet 2.
Sábado pela manhã: Buffet 2.

Teve má educação (ou teve estresse):

Vocês se lembram quando comentei sobre o dilema do buffet?
Pois bem.
Não sabem o que me aconteceu na visita ao Buffet 1 que agora denominarei "Lord Voldemort", porque não ousarei pronunciar o seu nome neste belo lugar.
Nunca fui tão mal atendida em minha suave existência e nas 25 primaveras pelas quais passei (olha o drama).
Tudo isso por conta de alguns mobiliários não inclusos e que eu gostaria de incluir no contrato. Então pela primeira vez nessa jornada casamentística vivenciei a experiência da idiocrasia de um fornecedor.
Me senti absolutamente preterida e me sentindo desnecessária, ou seja, e a atendente deixou claro que algumas pessoas possuem certas possibilidades na contratação e outras não, porque existem pessoas que podem arcar com o casamento de certa maneira e outras... outras não.

Aparentemente bem-me-quer e eu não somos muito importantes. E isso porque contrataríamos o serviço completo (o mais caro nos termos dela), contudo sem as taças de cristal, a uma porque eu as acho desnecessárias, a duas porque eu sou mesmo muito desastrada, e a três porque o valor de reposição em caso de quebra é altíssimo (e quebra!). Nem questiono a beleza, claro que são lindas, mas não são necessárias.

Logo se eu não queria as taças (que são acompanhadas dos talheres de prata), também não poderia querer as cadeiras de maderia. Porque não tenho, na ideia dela, condição de arcar com seus custos.

Embora eu me considere uma pessoa muito recatada e fina (sic 1), eu sou muito chata (sic 2). Ou seja, no primeiro vestígio de má educação, o retorno é certeiro. Na mesma medida, o que a propósito não é indicável. Mas, eu culpo a pós-modernidade e a internet (sic 3).

Risquei Lord Voldermort da minha lista. Permanentemente. E agora eu pergunto a vocês:

Vale a pena aguentar falta de respeito e de dedicação ao trabalho, sob o pretexto de ser um fornecedor dito "bam-bam-bam"?

A resposta é não!

Não a vale a pena, sob hipótese alguma, ser preterido em todos os seus gostos, ter o canal de comunicação fechado entre fornecedor-contratante, sob a simplória hipótese de que o melhor fornecedor da região. Porque eu questiono o que é melhor e o que é pior, e um critério absurdamente relevante é ser grato, simpático, aberto à comunicação, flexível.

Aliás, vale ressaltar que se eu quisesse mesmo eu pagaria pelas taças, pelos talheres e pelas cadeiras. Se esse fosse meu sonho ter aquelas cadeiras, eu correria atrás delas com aquele buffet. A maioria de nós, noivinhas, correria atrás do sonho se fosse possível, não é mesmo? Puxa daqui, aperta dali, sempre damos um jeito de, na medida do possível e aceitável [orçamento curto], realizar nossos sonhos. Mas é preciso ter o que eu chamo de coerência financeira. Não quero uma festa absolutamente maravilhosa, se meu apartamento precisar de móveis. Coerência financeira no que a celebração matrimonial realmente significa e na forma de agradar aos amigos e familiares sem aparentar ser algo que não se é. E eu, definitivamente, sou um ser desastrado e simples (não simplória) e não preciso usar uma taça de cristal e pagar R$70,00 pela reposição de cada uma delas e ser mal atendida. Até porque eu defino de maneira diversa o sucesso de um casamento: é a celebração da esperança e do recomeço. Acho casamentos tão puros e esperançosos. É sempre um pressentimento de um futuro bom. Juntos.

Afinal, eu realmente posso compôr uma decoração sem as mesas/cadeiras de madeira. Mas não posso ter uma fornecedora ridícula.

Teve definição de nossa data e o primeiro contrato fechado (!!!):

Guardem essa data - 20 de abril de 2013. É o dia em que essa blogueira chata se tornará completa. O mais legal de se definir a data do casamento não é poder colocar um contador no blog (embora isso também seja legal), mas sim porque confere concretude aos planos, sabe?
Nosso primeiro contrato não foi o do Buffet (até por conta da história acima), mas sim os DJs. Serão 4, uma equipe de dj's japoneses muito engraçada, que interage muito com os convidados e são bem famosos aqui na região. Mas a decisão entre DJ e banda foi bem pensada e isso merece um post só para isso. Essa semana ainda!


Teve love is in the air:

Com o noivo nerd aqui tudo fica mais lindo. Já chorei porque ele acabou de ir embora, mas estou com o coração tão tranquilo em relação ao nosso futuro. Será nosso. Será pleno.

Desculpem a falação!
Agora que recuperei meu cantinho de volta, vou visitar os blogs queridos e preparar os posts dessa semana!
Beijo queridas!



23 comentários:

Carolina disse...

Vai casar no dia do aniversário do Elmo! =D

Sério: eu ODEIO fornecedores/vendedores que fazem essa pré avaliação baseada em coisas esdrúxulas...
Ainda não me aconteceu durante a organização do casamento, mas no dia a dia já passei por isso várias vezes.
[Também, quem manda sair por aí de all star e camiseta de banda? rsrsrs]

Beijão!!!

Sabrina Mix disse...

Oi, Ana Paula! Nossa, é cada uma que uma noiva passa para ter um Dia D perfeitinho, né?! A gente devia ganhar um salário pra isso! Tá louco!

Linda, estou concorrendo a um ensaio fotográfico romântico no blog Casarei em Brasília. Será que teria como você me ajudar votando em mim aqui? Ah, tem que seguir o blog publicamente pro voto valer, ok?!

Se quiser divulgar para seus amigos também, ficarei muito agradecida.

Beijos e sucesso!!!

Sandrinha disse...

Agüentar fornecedor mal educado?????

DEFINITIVAMENTE NÃO!!!!
Também passei por situações assim, mas com decorador... Afffffff pagar caro e ser destratado? De jeito nenhum!
Tô contigo e não abro!!!!

E outra... Não vou ter jantar, muito menos mesa posta, mas fiz questão das minhas cadeiras de madeira!!!!!!!!

No mais, esses ignóbeis merecem nada além de serem ignorados! Corte da lista e vamo simbora!!!!


E data marcada??? Eeeeeeeeeeeeeeeee!!!!
:) parabéns! Primeiro contrato fechado é uma sensação maravilhosa, né? O sonho de casar se tornando realidade... :)

Beijoooooo
Sandrinha
Simplesmente Noivos

.Mih. disse...

Eu tbm odeio akele olhar de scanner deles q resulta num outro olhar de: vc eh pobre. E mal sabem eles q se for possivel a gente paga o q for se for do gôsto. ahuahuahuahua

Tô sem buffet ainda faltando 10 meses pro casamento =( #mtochatanaescolha

Rebeca disse...

Com certeza você agiu certo em relação ao buffet. Bom atendimento em primeiro lugar, afinal você também não poderia deixar o seu grande dia nas mãos de pessoas assim. Eu também conheci fornecedores que se acham melhores do que os clientes. Não dá pra entender uma coisa dessas! Bjos.

Naty disse...

Hahahah, adorei seu blog!! Ninguém merece esses fornecedores que se acham melhor do que os outros e fazem milhões de exigências!!! Tambem cortaria logo da minha lista!!
Gente, adorei essa idéia de 4 djs!! Eu contratei um , mas morro de vontade de ter uma banda, só que aqui é muito caro!!!
Bjsss

www.noivacadeirante.blogspot.com

Naty disse...

Hahahah, adorei seu blog!! Ninguém merece esses fornecedores que se acham melhor do que os outros e fazem milhões de exigências!!! Tambem cortaria logo da minha lista!!
Gente, adorei essa idéia de 4 djs!! Eu contratei um , mas morro de vontade de ter uma banda, só que aqui é muito caro!!!
Bjsss

www.noivacadeirante.blogspot.com

Casar é assim... disse...

Flor..Agora o meu blog é:

www.casareassim.com

Por favor, peço para que troque o endereço do meu blog nos gadjets do layout do seu blogger (os endereços dos blogs que vc segue!!), para que apareça as minhas atualizações do novo endereço!!

Beijoss!!

Géssica (Kinha) disse...

Adoro seus post flooor!
Otima semana...Beijo

Paulinha disse...

Meninaaaaaaaaaa, vc sumiu!
então temos uma data, hein? Coisa boaaaaaaaa!
E... prefiro ñ comentar sobre os fornecedores. #queroevitarafadiga kkk


http://www.socorrominhairmavaicasar.blogspot.com/

Josi Menezes disse...

È ridiculo esse tipo de pré julgamento, e pessoas assim não valem á pena mesmo.
Adorei o blog vou estar por aqui sempre!

http://agorasimiremoscasar.blogspot.com/

Rafaela Naves disse...

Oi flor!! Ai, ser maltratada por fornecedor e triste mesmo! Estes não merecem nosso rico (suado) dinheirinho!!!

Sobre a pele, meu problema não é de ovário policistico não, é alta produção das grandulas sebaceas mesmo! Será um tratamento rápido e de baixa dossgem, pq o negócio ta feio! Eu e a médica tentamos de tudo!!

Bjoss

Tami disse...

Oi, flor!

Eu nunca tinha vindo aqui, conheci seu blog hoje e já me identifiquei.

Já passei por alguns lord voldermot's por ai e sei o que a gte sente!

Esse pessoal nem devia estar trabalhando, muito menos com casamento!

Mas, siga bela, linda e feliz porque vai dar td certo num buffet que vão te tratar como a princesa que vc é (td noiva é, lógico!)

Beijos!

Camilla Gomes disse...

Olááa, visitei seu blog e adoreiii, é uma loucura tudo né?!


Beeeijos

Larissa disse...

Nossa odeio gente mal educada, ainda mais que vive do seu rico dinheirinho... já que depende de vc pra fechar contrato e pagar, devia era ser mais do que educado. E pra mim também não fui com a cara, riscado da listinha...
Bjo e bem vinda de volta...rs

Wezley e Gey disse...

Oi flor!

Achei muito criativo o nome do seu blog e resolvi visitar...

Adorei!!!!!

Com certeza estarei aqui mais vezes!

Estamos seguindo e aguardando sua visitinha! (:

www.doceamors2.blogspot.com

SoL disse...

Concordo com tudo o que vc e que vontade de mostrar uma careta bem grande p ela (não mostramos outras coisas pq somos phynas e ela já deu p ver q não) afff q raivaaa
mas que lindeza temos uma dataaaaa
todascomemora
é isso aí estamos aqui unidas pelos poderes invensíveis da blogosfera
bjinhos

Sonica disse...

É muito chato qdo acontece essas passagens desagradáveis, eu bem sei o que é isso! Mas sacode a poeira e dá a volta por cima, querida!
Bjs,

Tatiana K Wolff disse...

Nossa, que horror! Corta mesmo essa infeliz!!
Bjs!

Glaucia disse...

Muitas idéias por aqui!
Não pense que ouvir certas coisas de fornecedor acontece com muita gente, e já aconteceu comigo. E fornecedor que dá o preço de acordo com a cara do cliente, tb.
senhoritanoiva.blogspot.com

Naty disse...

To seguindo tambem!!! Vou vistar vc sempre!!1
Bjosss

Lilian Gomes disse...

A Carol é ótima mesmo rsrsrs
boa semana flor
beijos!!!

Suellen Pimenta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.